Cachorrinho passou 15 anos acorrentado a uma árvore até um homem o libertar

Mani era ainda filhote quando foi acorrentado em uma árvore – brincalhão em sua fase de criança, ele adorava mastigar coisas e ao invés de dar a ele brinquedos adequados para que ele pudesse saciar suas vontades, seu dono resolveu acorrenta-lo.

Antes, seu dono tentou deixá-lo apenas do lado de fora da casa, mas ele escapava até que então sua vida foi condenada a viver preso em uma árvore por 15 anos. Imagina o que é viver preso sem poder sair para passear e desfrutar das maravilhas do mundo? A vida de Mani não foi nada fácil…

Quando um socorrista descobriu o que estava acontecendo com ele, ele e sua namorada decidiram não mais permitir que sua vida continuasse a ser assim. Então eles conversaram com os donos que concordaram em entregá-lo.

“Pelas interações que tive com ele (algumas semanas enquanto procurava um novo lar), ele era o cara mais doce. Entendo que ser maltratado pode causar danos ao comportamento de um cachorro, mas tenho total confiança nele. Ele nunca mostrou nenhuma agressão a nós ou ao meu cachorro, ele até se deu bem com meu gato de 3 anos. ”

Através de um abrigo, eles conseguiram um novo lar para Mani – e tempos depois, a senhora que o adotou enviou uma linda foto de Mani, que alegra qualquer coração gelado. Apesar de já ter 15 anos, seu espírito ainda é jovem.

“É sobre o fato de que esse cachorro doce pode viver o resto de seus anos com uma família amorosa que o tratará com respeito. Eu não moro na América e também não acredito que seja ilegal aqui, mas como ser humano inteligente, acredito que é nosso direito tratar todos os animais com um nível de respeito. Ser contido em uma árvore e passar fome não é humano”.

Os animais merecem carinho e amor, e não viver presos em correntes condenados a uma vida injusta.